Meus Seguidores

segunda-feira, julho 05, 2010

Saudades



Querido diário e queridos leitores do blog, hoje venho revirar o baú, falar de coisas doces do passado e que hoje só me restam boas lembranças e saudades.
Poxa, eu me lembro muito bem da época em que eu tinha por volta dos meus 7 ou 8 anos e assistia Digimon. Foi o melhor desenho da minha vida, até hoje nunca assisti um melhor e sei que nunca vou assistir porque os tempos de uma garota inocente que sentava num sofá para ver desenhos animados como se fossem um filme em lançamento no cinema ficaram para trás. Eu ficava emocionada e afoita, anciosa, com as transformações dos digimons. Que saudade de ouvir 'Chama, neném!". Não me lembro dos nomes dos digimons, mas lembro o que cada um representava: coragem, amor, amizade, sabedoria, confiança, sinceridade, luz, paz. Que saudade de assistir Digimon, atualmente só passa em TV à cabo, e não tenho paciência para assistir no You Tube.
Lembro-me da época em que eu brincava de boneca. Tinha muitas bonecas novas, mas era com as velhas que eu gostava e brincar. Assistia novelas de adulto como Pérola Negra, e no dia seguinte os capítulos das novelas se repetiam nos fatos ocorridos com as minhas bonecas. Lembro-me que eu era apaixonada por Tomás, o protagonista da novela, que era loiro, lindo, sedutor, safado. Eu me via com ele, mesmo sem ter idade para amar. Na verdade, criança também ama.
Lembro-me quando minha irmã nasceu, branca, fofa, linda. Eu era tão nova. Eu tinha uma amiga que se chamava Lili que tinha um irmãozinho também. A gente deixou as nossas bonecas de lado para brincar com os nossos irmãos como se fossem nossos filhos Que tempo bom era aquele. Hoje em dia, essa menina não é mais minha amiga, e nem inimiga. Ela foi pega transando com o namorado em casa, foi expulsa de casa, e hoje se entope de remédios para não ter bebês iguais àqueles que a gente brincava quando era pequena, e ela certa né, melhor prevenir do que abortar.
Que saudade da época em que eu estudava na escola Y, escola do interior, que quando acabava a aula a gente ia comer pastel e batata frita na praça, minhas colegas iam se agarrar, e eu ficava só na vontade, eu não era desejada por quase ninguém e também não tinha coragem de beijar na boca. Saudades da minha amiga Vera, a gente ficava nas calçadas conversando sobre vários assuntos, ela era a minha melhor amiga da época, isso sem dúvida, hoje pouco a vejo. Saudades imensas da época em que eu via meu amigo Nilton todos os dias, a gente ria pra caralho, lembro-me que tinha vezes que eu apertava as pernas para não fazer xixi nas calças. Ainda somos amigos, ainda rimos bastante, mas tem uns 2 anos que não o vejo.
Saudades dos tempos em que eu via a minha melhor amiga, Nicinha, assunto não faltava, brigas também não, risadas também não. A pessoa que mais me entende até hoje, ela e Maurício são as pessoas que eu mais amo na vida, fora a minha família.
Eu sinto saudade do tempo em que eu namorava o amor da minha vida, Heduardo Fernando. Apesar de ele ter me jogado no fogo do inferno, ele me fez respirar o paraíso durante 7 meses. Eu nunca estive tão apaixonada na minha vida. Era tudo um sonho. Não tem coisa melhor do que você amar intensamente uma pessoa e se sentir amada da mesma forma. Saudades da época que ele me mandava mensagens carinhosas, me ligava só para dizer que me amava, da época que ele não queria me largar, da época em que eu fazia sexo virtual com ele e não me sentia usada. Pena que era tudo ilusão, o amor dele é falso, é de cama, é sacana. Mas hoje ele oferece esse amor traíra a outra mulher, e às vezes penso que perdi, que esse amor poderia ser meu. Mas deixa ele ser feliz. Nunca mais senti isso porque nunca mais consegui amar ninguém, não confio mais nos homens.
Que saudades da minha avó, mãe de meu pai. Eu sempre ia visitá-la e a gente conversava muito na frente da casa dela, é uma pena que todos tenham que partir desse mundo. Ela era tão legal (falo isso com lágrimas nos olhos). Que ela tenha muita luz e descanso na vida eterna.
Posso nem falar que é saudade porque ainda está recente. Mas eu sei que eu vou sentir saudade do meu avô, pai de minha mãe... que ele tenha muita luz e descanso na vida eterna!
Só nos resta, diário, aproveitar com intensidade as coisas boas do presente, pois tudo passa, restando apenas saudade.

13 comentários:

  1. Bela a nostalgia, saudade nostálgica é a melhor...

    ResponderExcluir
  2. de fato, crescer nos tras varias experiencias novas, algumas boas outras nem tanto.. mas o que mas doi nesse processo, eh ter que deixar pra tras as coisas pelas quais tinhamos tanto apego...
    momentos...
    sentimentos...

    pessoas...

    não deveriam se afastar de nos assim...

    antigos amigos que nao vemos mais...
    amores platonicos que gostavamos de sentir...
    manhãs e tardes no sofá, assistindo digimon...

    madrugadas na internet, comentando nos blogs...

    um dia tudo isso vai passar, e soh o que poderemos fazer eh lembrar...

    hahah, falei de mais no comentario, mas eh que eu gostei muito do post! =)

    ResponderExcluir
  3. gostei do teu blog vi no orkut na brincadeira do comente o blog acima, o teu nao era o que eu devia comentar mas visitei varios e comentei os que gostei!!!!

    ResponderExcluir
  4. Sinto saudades de tantas coisas também...
    Adorei seu blog!
    Te seguindo linda.
    Bjs
    Mila Lopes

    ResponderExcluir
  5. Gostei do seu blog! Já to seguindo

    visita ?
    www.naminhabolsatem.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Crescer muda tudo. e é inevitavel a saudade

    ResponderExcluir
  7. Adorei cada linha. Digimons *-* tenho mais saudades de ursinhos Carinhosos e Cavalo de Fogo, rs mas Digimons foi o desenho mais recente que mais gostei. Amigos,se vão assim como vem, as vezes tenho vontade de correr pros braços dos antigos bons amigos. Apesar de ele ter me jogado no fogo do inferno, ele me fez respirar o paraíso durante 7 meses QUE FRASE LINDA, AMEEI, PARABÉNS DE VERDADE. E em relação as perdas, almas que se ama não se separam, a morte é só uma passagem assim como o nascimento :)

    ResponderExcluir
  8. A saudade é o significado que pessoas marcaram nosas vida =D


    bjss

    www.suportedamente.blogpsot.com

    ResponderExcluir
  9. digimom? hahaha
    EU RI
    mas tb tenho saudade de coisas da minha infancia,axo q todos tem *-*

    ResponderExcluir
  10. é uma nostalgia, que faz a gente lembrar das coisas que antes nem davamos tanto valor.
    Você escreve de um forma muita intensa prende a atenção.

    ResponderExcluir
  11. eai novo comentario me seguem no meu blog

    ResponderExcluir

Eu retribuo comentários BONS, se você comentar porcaria aqui, eu comento porcaria no seu blog também. Deixem o link para eu poder retribuir. Beijo a todos, e expressem sua opinião sem receios.